10 de jul de 2012

Leonardo fala sobre o Pedro!


No site EGO  e da CARAS tem notícias novinhas sobre o Léo.

http://ego.globo.com/televisao/noticia/2012/07/depois-de-alta-do-filho-leonardo-grava-programa-do-jo-em-sao-paulo.html



Depois de alta, Leonardo fala sobre o filho: 'Ele está maravilhoso'

Cantor, que deu entrevista para o 'Programa do Jô', nesta terça-feira, 10, em São Paulo, contou ainda que ele vai começar a fazer fono e fisioterapia.



O cantor Leonardo gravou nesta terça-feira, 10, uma entrevista para o "Programa do Jô", nos estúdios da Globo em São Paulo, onde também teve registrada uma mensagem sua para o projeto "Criança Esperança". Na chegada, o cantor sertanejo foi bastante assediado pela imprensa e vai falar, no papo com o apresentador, como foi a primeira noite de Pedro Leonardo em casa, depois de 81 dias de internação.

A assessora dos dois, Ede Cury, adiantou  que Pedro começa nesta quarta-feira, 11, a rotina de tratamento com fonoaudiologia e fisioterapia e que ele dormiu bem.

"Ontem [nesta segunda-feira, 9], ele jantou galinhada com a família e, hoje [nesta terça-feira, 10] continua na rotina dele. O Pedro dormiu bem", explicou.

Durante o papo com Jô, Leonardo se emocionou e contou que, do que viu do acidente do filho, Pedro Leonardo está maravilhoso . "Graças a Deus, ele está bem. Do que nós vimos, do que eu vi, no dia do acidente, ele está ótimo, maravilhoso. Estava em Formoso, no Tocantins, quando cheguei em Goiânia, estava me preparando para ir ao show, minha mulher me falou (do acidente). Soube, mas fiquei ali, como sempre tem acidente, fui correr na esteira, liguei a televisão para ver se tinha alguma notícia e, quando vi, sai da esteira na hora e já liguei em Itumbiara. O médico me informou que ele iria ser operado naquele momento, porque a situação era grave. Dei meu telefone e falei que poderia ligar na hora que desse", relembrou.
Leonardo no Programa do Jô (Foto: Felipe Abílio / EGO)Leonardo no Jô: emoção ao lembrar dos momentos
difíceis com o filho  (Foto: Felipe Abílio / EGO)
'Praticamente morto'
Leonardo continuou relembrando os momentos do acidente do filho, e contou que o viu praticamento morto.
"Quando levamos para Goiânia, ele chegou praticamente morto. Todos me cobravam porque eu não o tinha levado direto para São Paulo. Mas não tinha como, ele poderia não aguentar. Quando cheguei à UTI - pai nenhum merece ver o filho na situação que eu o vi, ele ainda estava entubado com o equipamento usado pelos bombeiros - , ele nem respirava, ele bufava. Pedi para Deus, que quando voltasse no dia seguinte, ele estivesse melhor. Mas melhor nada! Quando cheguei, ele estava uns 25, 30 quilos inchado, e eu pensei que realmente não tinha mais jeito. Teve um dia, que ele teve uma parada cardíaca de 7 minutos, a doutora mesmo disse que pessoas assim dificilmente voltam. O hospital já estava comunicando a família depois de 5 minutos, que não iria ter jeito, que ele iria entrar em óbito", relembrou.

Pedro cantou quando acordou do coma
"Quando chegou em São Paulo, ele já estava com praticamente zero de pressão. Ele ficou lá, entrou em coma, ficou acho que 40 dias dormindo e eu 40 dias acordado. Os médicos falaram que podia voltar, podia demorar para acordar. De repente, eu estava em Goiás fazendo um show, estava dormindo 7 da manhã, me acordaram e falaram que ele tinha acordado, e foi uma farra, rezamos, a melhor notícia que eu tive foi aquela, mais do que o nascimento dele. Peguei o avião e fui direto para o hospital. Chegando lá, perguntei: 'Quem eu sou?' e ele respondeu: 'Meu pai!'. Comecei a cantar. Perguntei qual música que ele queria ouvir, ele pediu 'Eu não sou cachorro não', do Waldick Soriano. Errei a música, e ele me corrigiu. Pensei: 'esse menino está melhor que eu", contou aos risos.

Sequelas
"Perguntei ao Doutor Kalil: 'O Pedro vai ficar com alguma sequela?'. Ele falou que com o tempo, ele não teria nada. Falei: 'Impossível! Antes do acidente ele tinha 15% de sequela, porque o povo lá de casa sempre tem uma sequela, é povo doido", disse para riso geral da plateia.
Cantor também lembrou começo da carreira em puteiro
"Fui eu que arrumei o nome de Leonardo. Meu nome verdadeiro é Emival Eterno Costa. Eu limpava o chão de uma farmácia, e tinha um motorista do meu patrão que todo dia a gente conversava sobre futebol. Um dia ele falou que ia ser pai de gêmeos, e que as crianças iriam se chamar Leandro e Leonardo. Meu irmão estava numa banda lá, chegando em casa falei pro Leandro: 'O Luiz, o que você acha da nossa banda ser Leandro e Leonardo?'. Ele achou moderno demais, mas falou que ia ser o Leandro, ai fiquei com o Leonardo. Começamos a cantar em uma boate, na verdade um puteiro que tinha na minha cidade. O dinheiro que eu ganhava, lá mesmo eu deixava. Não era muito dinheiro, mas comer as putas era tudo barato, ganhava e dava para elas. Nunca me arrependi, Deus me ajudou muito", brincou.
Leonardo no Programa do Jô (Foto: Felipe Abílio / EGO)Leonardo no Programa do Jô: emoção ao lembrar
do acidente do filho (Foto: Felipe Abílio / EGO)
Relembre o acidente
Na madrugada do dia 20 de abril, Pedro voltava de um show em Uberlândia, em Minas Gerais, onde se apresentou ao lado do primo Thiago, quando perdeu o controle e capotou o seu carro na BR-452, entre os municípios de Tupaciguara e Araporã, no estado de Minas Gerais, perto da fronteira com Goiás. O cantor foi socorrido e internado no Hospital Municipal Modesto da Silveira de Itumbiara, Goiás, onde no mesmo dia foi submetido a uma cirurgia para conter uma hemorragia abdominal, além de ter sido diagnosticado com um leve traumatismo craniano.
Leonardo (Foto: Felipe Abílio / EGO)Leonardo gravou também mensagem para o
'Criança Esperança' (Foto: Felipe Abílio / EGO)
No dia 26, Pedro foi transferido de avião para o Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, onde permaneceu até esta segunda-feira, 9.
Recuperação
Logo após o acidente, Pedro Leonardo sofreu uma parada cardíaca na madrugada do dia 23 de abril e entrou em um coma profundo que durou um mês. Quando acordou, no dia 20 de maio, ele falou "Oi, mãe'" e, perguntado pelos médicos qual era o nome de seu pai, ele respondeu, com um largo sorriso: "Leonardo".
No dia 22 de maio, o cantor passou por uma cirurgia para corrigir uma fratura no fêmur, que foi realizada com sucesso. Dez dias depois, Pedro deixou a Unidade de Terapia Intensiva e foi transferido para o quarto, onde passou a receber visitas de amigos e até ganhou uma festinha por seu aniversário de 25 anos, comemorado no dia 29 de junho.
No último domingo, 1, o "Fantástico" divulgou a primeira foto de Pedro depois do acidente. A imagem, tirada um dia após a festa de aniversário em que ele matou a saudade da filha, Sofia, mostrou o filho de Leonardo mais magro e sorridente.
Leonardo, Júlia Lemmertz e Thiaguinho gravam o Programa do Jô (Foto: Felipe Abílio / EGO)Leonardo, Júlia Lemmertz e Thiaguinho gravam o 'Programa do Jô' (Foto: Felipe Abílio / EGO)


























...................................................................................................................................................................


Leonardo sobre o filho Pedro: 'Nenhum pai merece ver um filho do jeito que eu vi'

Após sair do hospital com o filho Pedro Leonardo, o cantor Leonardo conversa com Jô Soares sobre os momentos mais marcantes da recuperação do herdeiro depois de grave acidente de carro e diz que Pedro não terá sequelas





O cantor Leonardo (48) gravou uma entrevista com Jô Soares (74) na TV Globo na tarde desta terça-feira, 10, e abriu o seu coração sobre a recuperação de seu filho Pedro Leonardo (25), que recebeu alta hospitalar na última segunda-feira, 9, após 81 dias internado. O artista voltou a definir o tratamento do herdeiro como um milagre. “Achava que esse ano tinha sofrido muito, mas não sofri nada. Só tive vitórias. Pedro já consegue ficar em pé, já está dando passos sozinho. É um milagre. As pessoas já falavam em preparar o velório e, hoje, ele está aí, com aquela cara de sem vergonha”, afirmou.
No bate-papo, Leonardo disse que já perguntou para os médicos se Pedro ficará com sequelas por causa do grave acidente de carro no mês de abril, e disseram que não. O artista ainda relembrou os momentos difíceis nos últimos meses. “Nenhum pai merece ver um filho do jeito que eu vi. Ele estava muito mal [em Goiânia]. Mal respirava. De um dia para o outro, inchou muito. Achei que não ia ter jeito. Quando chegava qualquer mensagem no telefone, já pensava no pior. Quando teve a parada cardíaca, os médicos disseram que ia entrar em óbito, mas ele voltou no sexto minuto. Quando melhorou, trouxemos para São Paulo. A maca não passava na porta do avião. Demorou para decolar e em São Paulo também demorou. Chegou no Sírio com a pressão quase a zero”, contou.
Para o cantor, um dos momentos mais marcantes na recuperação do filho aconteceu quando recebeu a notícia de que ele tinha acordado do estado de coma. “Pedro ficou acho que 40 dias dormindo, em coma, e eu 40 dias acordado. Os médicos diziam que podia acordar hoje ou daqui 10 anos. Um dia estava em Goiás, onde ia fazer show, e 7h bateram na minha porta pra dizer que ele tinha acordado. Foi a melhor notícia que tive na vida. Melhor que a do nascimento dele. Então voei para São Paulo, para visitar. Perguntei quem eu era e ele respondeu: meu pai”, comentou ele, que lembrou de quando cantou a música Eu Não Sou Cachorro, Não com Pedro Leonardo, que estava com a voz bem fraca e ainda conseguiu corrigir o pai quando este errou a letra.
A entrevista de Leonardo no Programa do Jô vai ao ar nesta terça. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário